302

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Um fluxo de coisas
O mistério que te envolve me faz prosseguir
Quando eu olhei nos seus olhos
Foi pra valer
O que torna tudo isso interessante
É o fato de ninguém saber muita coisa sobre ninguém
Aquela velha história de que o tempo não passa sem você
E de que os segundos parecem semanas e coisa e tal
A incerteza do que dizer me faz querer te ver
Eu não irei te convencer de que o que eu fiz foi certo
Medo somado com expectativas nem sempre resultam em conclusão
O seu cabelo preso me prende no ar
Seu riso baixo e delicado me aflige
A ousadia de experimentar
A ousadia de se deixar levar
É tão lindo relacionar seus olhos com as estrelas
O brilho delas vão me guiar até você

6 de setembro de 2008

2 comentários:

Marina Ribeiro. disse...

Tá lindo, Caio!

Célin Jr. disse...

que romantico *-*
ushaush

 
◄ Design by Pocket