Tempo

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Talvez esse seja o único fator que pode colocar em nossas cabeças vários e distintos sentimentos.
Nunca compreendi bem a expressão "sentimento adormecido", foi preciso que algo especial acontecesse para que eu percebesse, que esse até então desconhecido fato estava ocorrendo comigo. A rotina que eu ando levando dia após dia tem me ajudado a deixar de lado tudo que eu realmente zelava e tudo aquilo que eu realmente gostava e me divertia fazendo. Minha única amiga tem sido a música, e o amor, bem, esse é o sentimento adormecido ao qual eu me referia... O tempo também contribui para o esquecimento e nem mesmo a saudade pode segurá-lo, já que ele age rápido e totalmente despercebido. Vale lembrar que ele é a coisa mais fácil de perder e quase impossível de recuperar, e se recuperado, provavelmente foi gasto muito do próprio para isso. Mudanças, dilemas, ou o que mais for, tudo passa por ele.

6 comentários:

Marina Ribeiro :D disse...

Nossa, eu amei muito, acho que todo mundo já se sentiu assim.

Thiago Amâncio disse...

"tempo, tempo, mano velho..."

Diogo James disse...

tempo ao tempo, amigos a parte'

Nádia disse...

Ainda há tempo de dar tempo ao tempo!
Viva muito, outros amores virão!

Landa! disse...

Carcaio...
hum, blog bombando hein?
aiiaiii, sobre o amor nada falarei, afinal eu nunk amei!
mas eu gostei..
c n foi em minha casa pra se despedir de mim uai!!
saudade daí e de vc meninooo. q dia vai ser o marreco?
e aih tah tokando mt?
entra no msn pra gnt prosear e eu te passar meu telefone.
beeejo grd
juizo e mais amor... ele nunk eh o bastante.

CéLiN ! disse...

Botei fé mano.
saudade

 
◄ Design by Pocket